15/03/2017

Rendez-Vous: bistrô francês com bom custo-benefício em São PauloSP

Bianca Santos

Dia desses, em uma conversa entre amigos, falávamos sobre como restaurantes de cozinha francesa costumam ser pomposos (e caros) aqui em São Paulo. Pois daquele dia em diante estabeleci uma nova meta: precisava encontrar um bistrô com bom custo-benefício na cidade. E não é que o resultado veio rápido? Nas andanças pelo meu bairro, Pinheiros, descobri o simpático Rendez-Vous.

A casa tem uma proposta bem bacana: abre cedinho, às 8h, para servir itens de café da manhã, tem menu executivo no almoço, oferece happy hour no fim da tarde e fecha as portas às 23h. Como minhas lombrigas estavam sedentas por uma refeição caprichada, convoquei uma amiga e fomos jantar. O ambiente é despojado, com piso de cimento queimado, quadros charmosinhos na parede e mesas na calçada.

Salão do Rendez-Vous

Enquanto espiava o cardápio, os drinks da casa (R$33) me chamaram bastante atenção. Todas as cinco criações levavam Chartreuse, um licor artesanal feito por monges franceses com mais de 100 ervas diferentes. Óbvio que ficamos curiosíssimas e pedimos logo dois para experimentar: o Bijou (Chartreuse Jaune, gin e Martini tinto).

Drink Bijou

E o Chartreuse Mule (Chartreuse Jaune, gengibre, tônica e limão). O primeiro me lembrou o famoso Negroni, mas com um toque herbal característico do licor. A segunda opção me agradou mais, achei refrescante e superfácil de beber.

Drink Chartreuse Mule

Para acompanhar os tragos, pedimos a porção de linguiças artesanais (feitas lá mesmo pelo chef, R$28) e a de croquetes de porco (R$19, cinco unidades). As linguiças estavam saborisíssimas e bem temperadas, mas fiquei especialmente apaixonada pela cebola que acompanhava. 

Porção de linguiças artesanais

Os croquetes de porco também surpreenderam bastante. Diferente da versão brasileira, que geralmente incorpora a carne na massa, esse petisco consistia em uma casca fininha e crocante completamente recheada de porco desfiado.

Porção de croquetes de porco

Mesmo devorando as duas porções, que eram bem servidas, partimos para os pratos principais. Como sou apaixonada por tartar, decidi experimentar a receita com salmão e maracujá (R$44). Minha amiga optou pela versão vegana, com quinoa, ratatouille (legumes assados), hortelã, limão siciliano, sementes de girassol e goji berry (R$32).

Tartar de Salmão e Maracujá

Todos os pratos principais acompanham salada e batata assada, mas pedi a Gratin Gauphinois (batata gratinada com creme e alho) por um acréscimo de R$5. Ambos estavam levíssimos e muito gostosos.

Tartar Vegano

Por incrível que pareça, ainda havia um espaço reservado para a sobremesa! Ficamos em dúvida entre a mousse de chocolate (R$14) e a Gaufre Maison (a versão francesa/belga do waffle, R$14), mas acabamos decidindo pelo clássico Crème Brulée (R$13). Acertamos em cheio na escolha: o doce estava delicioso, com uma crosta de açúcar de fazer inveja na Amélie Poulain!

Crème Brulée

O saldo da noite ficou em torno de R$100 por pessoa. Levando em consideração tudo o que comemos + drinks, realmente encontramos um ótimo custo-benefício na cidade!

Restaurante Rendez-Vouz
Fradique Coutinho, 179 - Pinheiros
São Paulo/SP
Fone: (11) 4564-0146

www.restauranterendezvous.com.br

SP Bianca Santos