Estou aqui para falar de um xis, ou melhor, de uma lenda. E como frequento pouco a Zona Sul de Porto Alegre, essa lenda nunca havia chegado aos meus ouvidos, ou melhor, ao meu estômago. Mas o destino (Guilherme) nos uniu. Por isso, aqui estou eu, seguindo meu destino com o lendário xis do Gelson. E nada mais justo do que dividir com vocês esse encontro. Uma experiência que superou as minhas expectativas, o meu colesterol, algumas (muitas) calorias e, é claro, a fome que demorou uns dois dias para voltar (só que não).

Vamos entrando, por favor. Um lugar simples, sem muito requinte. Limpinho e organizado. A lancheria fica nas dependências do Clube Tristezense, aberto ao público. E, em se tratando de um clube, a decoração do salão é dividida em duas partes, ou melhor, dois times. Para não dar briga, o timão e o Colorado recebem suas devidas homenagens. 

Sentamos. Estávamos em nove pessoas. Não se preocupe em fazer reservas e coisa e tal. Aqui o esquema é família, amigos, sentar, comer e ser feliz. Sabe aquele lugar que sempre tem lugar pra mais um? Então, vamos aos pedidos. 

Não sei se deu pra reparar, mas o logo do Gelson é um chifre. Reza a lenda que ele é baseado em fatos reais. Virou logotipo da lancheira e, por favor, não deixe de entrar no site.

Sente só a quantidade de ovos. Nesse xis não existe uma mordida que não tenha gema. 

E lá vai o nosso xis filé com quatro queijos! Chora! Desculpa a tremedeira, mas tive que tirar a foto rapidão. 

Quase pronto, junta o ovo, o pão… 

E ploft, ploft, ploft. Recheio por todos os lados, nossasenhoramedêamão. 

Sem dó nem piedade, prensa. Fica crocantezinho por fora e todo derretido por dentro. 

Aff, isso é o que chamo de chatarra. E para ficar mais perfeito ainda, eles têm Fruki de garrafa de vidro. #saudades #infância <3 

E como todo estabelecimento de comidas ogras, tem um desafio. Olha, eu comi um quarto e dei um belisquete em outro pedaço. Cheguei em casa e tomei um sonrisal. Por favor, se alguém conseguiu ou acha que conseguirá comer dois inteiros, já sou fã. 

E os pedidos chegaram. Que visão! Aqui, um xis = quatro xis. Ou seja, um quarto de xis equivale a um xis normal. Os mais fortes conseguem comer metade, mas tem que estar com muita fome. 

Esse foi o pedido girly, sem muita ogrice. Xis filé completo. Pense numa coisa deliciosa. Raspei o prato. 

A turma dos fortes pediu o xis filé a quatro queijos. Aquele que tem os ~queijo tudo derretendo pelos lado tudo~. Era queijo por tudo! 

E ele, o mais famoso de todos, o xis estrogonofe. Tcharãm! Sim, embaixo disso tudo, ainda tem um xis. Provei, aprovei, e da próxima vez será o meu pedido. 

Isso é meio xis. Bjs. 

Mereceu muito um zoom. Olha o ponto do ovo! Como que eles conseguem? 

Agora dá pra ver melhor. Depois da batata palha, depois do estrogonofe... Lá está ele, bem molhadinho. 

Depois disso tudo, que tal um futibas? #óbvioquenão 

Em média, meio xis custa 15 reais e inteiro custa 35 reais. 

E assim, comi muito bem e gastei 12 reais (por um quarto de xis e uma água), com a certeza de que voltarei. Até breve, Gelson!

Gelson Lanches
Rua Dr. Armando Barbedo, 300 - Tristeza
Porto Alegre/RS
Fone: (51) 3269-1818 / 3269-1616
Aceita todos os cartões
www.gelsonlanches.com.br
Ps: também presente na Mariante, 737