08/01/2013 Slow Food no Daqui AntirrestauranteRS Fernanda Iensen

Hoje eu saiu um pouco do caos da cidade e fui até Viamão (cidade que fica a mais ou menos uns 15km de Porto Alegre), pra um almoço de sábado em um sítio. Depois de tanto me falarem, finalmente consegui uma reserva no Daqui Antirrestaurante, que fica numa pequena propriedade rural, o sítio Arupa. 

O sitio tem horta, pomar, vaca de leite e alguns açudes. Toda a produção é orgânica e pra consumo próprio. O casal Deva e Paula comandam o sitio. O Deva cuida de todo o sitio e a Paula comanda as panelas.

Chegamos por volta das 12h30, já que o almoço seria servido pontualmente às 13h. Logo na chegada, fomos recebidos pelo Deva, entramos na casa e logo veio a Paula nos dar uma abraço apertado, recepção super calorosa.

As mesas para o almoço estavam lindamente arrumadas, com flores e plaquinhas com os nomes das reservas, alem do cardápio que nos esperava (achei super legal que a gente sabia exatamente de onde vinha cada ingrediente).

Um show de jazz rolando na TV da sala e eu não poderia estar em um lugar melhor.

O negócio é se sentir em casa, sentar no sofá curtir uma musica e relaxar até todo mundo chegar e o almoço começar.

Tudo que comemos no sítio era colhido e produzido lá mesmo ou comercializado com os sítios próximos ou produtores orgânicos locais.

Logo na chegada fomos recebidos com uma clássica cachacinha de butiá.

A água aromatizada fazia parte do menu e ficava a vontade na geladeira. Cada mesa ia lá e pegava a sua. Mas se quiser pode levar qualquer bebida.

Depois que todo mundo chegou, a Paula falou um pouco sobre o sitio e explicou com detalhes o cardápio. Eu já tava salivando nesse momento.

Pra começar os trabalhos, pãezinhos de inhame, plantado no sitio e pastinhas: manteiga aromatizada, antepasto de abobrinha e patê de fígado de coelho de um produtor vizinho ao sítio.

De entrada, uma saladinha de folhas verdes com sorbet de gaspacho de beterraba e uma farofinha de pão por cima.  Gente, não sabia que sorbet de beterraba era tão bom!

O primeiro prato foi um nhoque de aipim com molho de tomate e sálvia crocante inacreditável! Posso falar sem demagogia, foi o melhor nhoque que já comi na minha vida. Ele parecia um travesseirinho fofinho que derretia na boca de tão macio.

O segundo prato era ninho de confit de costela desfiada, cenoura e lentilha com uns bolinhos de paaner (feito com queijo indiano). Esse prato era em homenagem aos ninhos de pássaros feitos durante a primavera no sitio. Achei tão bonitinho!

E pra encerrar esse almoço cheio de carinho e estilo “slow food” de se alimentar, um sorvete de lavanda em cima de um pão de ló de limão, farofinha e geleia amarga de limão que eu quase quis repetir!

Foi muito mais que um almoço, uma experiência de comer uma comida deliciosamente preparada com produtos locais, orgânicos, em um ambiente de calma, paz, dividindo a mesa com pessoas que no início não se conheciam, mas que no final já pareciam velhas amigas.

Esse é o casal Deva e Paula ao lado o Gabriel, que estava ajudando com os pratos.

O valor desse banquete você mesmo define, já que não existe valor para os pratos. O esquema lá é cada um pagar o que achar justo. É só deixar o dinheiro em um envelope antes de sair.

Daqui Antirrestaurante
www.antirrestaurante.blogspot.com.br
daqui@arupa.com.br

Fernanda Iensen
  • claudia lorenzoni 06/02/2013 14:59:50

    Oi fiquei muito empolgada de visitar o Sitio Arupa. Poderias informar o telefone para reservas. Obrigada

    Isadora Andrade 06/02/2013 17:40:14

    Oi, Claudia! O site do estabelecimento não fornece o telefone... ao que parece o contato é feito somente via e-mail (que está informado no final do post). Bjs

    Paula Magnus Priya 08/02/2013 10:52:59

    Oi, Claudia Ficamos contentes pelo teu interesse e será um prazer te receber aqui. Não disponibilizamos o telefone, pois muitas vezes estamos fazendo trabalho de campo e não conseguimos atender. O mais fácil e garantido é fazer contato por e-mail: daqui@arupa.com.br ou pela nossa página no facebook: https://www.facebook.com/Daquiantirrestaurante Respondemos sempre com bastante agilidade. Aguardamos teu contato e ficamos à disposição. Grande abraço Isadora, obrigada por responder! :)

    Viviane 21/04/2013 09:45:52

    Aceita cartão? (Só precaução.... Vai que o dinheiro que eu levar não seja o suficiente, né?)

    Felipe 03/06/2013 19:55:20

    Estive recentemente no Daqui (28/04) e, evidentemente, eles não aceitam cartão. Não são um restaurante... Paga-se em dinheiro, o quanto achares justo. A experiência é única, o carinho e o acolhimento tornam tudo melhor ainda. É comida para o paladar e para a alma. Recomendo a todos.

    Maira Luíza Moraes 09/11/2013 11:58:09

    Passei email solicitando uma reserva e a proprietária ficou de confirmar e enviar o cardárpio. Isto foi em maio/13 e até hoje não tive retorno. Fiquei bem chateada, pois queria muito conhecer.

    fernanda iensen 10/11/2013 08:43:04

    Maira, o Deva, companheiro da Paula, faleceu esse ano (podes ver ele na última foto). Eles tocavam o sítio e o antirrestaurante juntos. Não sei se ela parou de fazer os almoços para se recuperar da perda, mas acredito que não esteja rolando em função disso. Bjs

  • Caio 09/01/2013 14:51:51

    Quando passei por ai, há mais de ano, a coisa não estava tão sofisticada, embora já prometesse o que seria. A caipirinha (licor) de butiá foi um toque especial. Hoje, vendo as fotos e o detalhamento do cardápio, finalizei a leitura com água na boca. Abração. Parabéns, primos.

  • Bruno 09/01/2013 09:23:49

    Sensacional! Sensacional o lugar, sensacional o conceito, sensacional o visual da comida (porque o gosto já não posso saber...). O mundo precisa de mais slow food. Obrigado pelo post, Fê :)

  • Anabel Mascarenhas 08/01/2013 23:34:54

    Só digo uma coisa: U-AU!!! Não me pergunte quanto vale, porque slow food nem tem preço!

  • Tati Akamine 08/01/2013 18:10:50

    Fê, que lugar fantástico! Fotos lindas, descrição maravilhosa, fiquei doidinha pra ir, pena que eu moro longe... Beijo e obrigada!

  • Gabriel Lucas Scardini Barros 08/01/2013 16:53:28

    Me coloque na fila dos curiosos para saber quanto você pagou pela experiência! Que lugar fantástico!

  • Ligia 08/01/2013 16:42:04

    Fê, estou ainda de férias, fora do Rio (na serra fluminense) e por essa razão sem muito tempo para acessar a web e o blog (infelizmente), e hoje resolvi dar um confere aqui, invertendo a ordem de leitura, começando de frente pra trás, e qual a delícia e encantamento, ao ver esse seu post!? Nossa! que lugar! que maravilha de almoço, pratos e ambiente! E com esse conceito de slow food, de consumir produtos locais, e com toda a simpatia do lugar e de seus donos! Sensacional! Principalmente o conceito, do cliente pagar o que acha justo...o que denota a confiança dos proprietários e a boa relação com seu cliente.... Amei tudo! Parabéns ao Daqui daí, e a você, por nos apresentar tão bem! Beijos

    Fê Iensen 08/01/2013 17:44:05

    Ligia querida, Obrigada pelos comentários sempre carinhosos. Esse lugar é a tua cara! Bjs

    Ligia 08/01/2013 17:50:11

    :) É a cara dos food hunters e de todos que amam comer bem, em grandes experiências vivenciadas.... beijos

  • Rafael Antonio 08/01/2013 14:22:12

    Bah, há muito queria ler algo sobre um sítio desta forma, com almoço e apresentação bem elaborados sem exigir muito.. e o melhor, com utilização de produtos orgânicos e próprios!! Meu sonho após me formar em gastronomia é criar um projeto em área rural com aspectos de sustentabilidade e este sítio me inspirou ainda mais!! Parabéns pela reportagem! Abraços e sucesso!!

  • Paula Magnus Priya 08/01/2013 13:36:22

    Todo o povo do Arupa fica feliz! Fê obrigada por compartilhar o teu olhar. Beijo carinhoso

  • LuRodrigues 08/01/2013 12:45:45

    Estive la nesse mesmo final de semana e achei a experiência sensacional. Eu, que sou chata e cheia de restrições pra comer, praticamente lambi todos os pratos. Minhas estrelinhas vão pra manteiga aromatizada (de comer de joelhos), pro sorbet de gaspacho de beterrada e claro, pro nhoque. Concordo contigo, Fê, aquele foi o melhor nhoque que ja comi na vida. Beijos

    Paula Magnus Priya 08/01/2013 13:38:50

    Luciana, muito bom ler essas palavras. E sobre o nhoque, conforme pedidos, brevemente sairá a oficina. :) Provavelmente em algum fim de semana de março, assim que passar o período de férias! Beijos

  • Diego M. 08/01/2013 10:48:59

    Que lugar bacana, diferente. Quanto você acha que valeu este almoço? rs

    Fê Iensen 08/01/2013 12:24:42

    Diego, super bacana! O valor fica a critério de cada um mesmo. Preferi não revelar pra não influenciar ninguém ;) Bjs

  • Fernanda Garcia 08/01/2013 00:56:43

    Fernanda, Morria de curiosidade sobre esse lugar desde quando o Diogo fez um post sobre o Winerei, a Paula fez um comentário lá, dizendo que um lugar como esse existia aqui, veja http://www.destemperados.com.br/regiao/free-pass/por-um-mundo-mais-winerei-forum Na minha próxima ida a POA não perco por nada. Quanta delicadeza!!! Lindo post!!!!

    Fê Iensen 08/01/2013 12:22:51

    Fê, o lugar é realmente muito especial! Foi uma experiência muito gostosa :) Vale a pena! Bjs