01/12/2016

Rabodigalo: um bem-vindo bar de drinks em FlorianópolisSC

Maíra Ferraz

O Rabodigalo abriu as portas há menos de dois meses e eu já perdi as contas de quantas vezes apareci por lá. Apesar de cada experiência ter sido diferente uma da outra, a sensação ao pagar a conta é sempre a mesma: felicidade por ter um bar especializado em drinks perto da minha casa.

O simpático e talentoso mixologista Felipe Palanowski (na foto abaixo à direita), um dos sócios-proprietários, acompanha de perto o funcionamento da casa. Além de gerenciar o local, ele é a cabeça por trás da coquetelaria e faz questão de passar nas mesas para checar se está tudo bem com os pedidos. 

rabodigalo

A decoração e a localização são pontos altos. O bar fica na esquina da rua Clodorico Moreira, logo atrás do Shopping  Iguatemi. Internamente, a parede atrás do bar chama a atenção com os desenhos divertidos do artista Pedro Silva, radicado em Nova York. Ele também assina a arte das comandas do bar, que achei uma fofura. A decoração tem uma pegada que mistura industrial e rústico e foi desenhada por Gabriel Hering

Comecemos pelas comidinhas (já que ninguém quer queimar a largada e beber de barriga vazia). Achei o menu bem original e diferente do que estou acostumada em comida de bar. O chef italiano Simone Colombo, um dos sócios da casa, é quem assina o menu e comanda diretamente, e pelo que vi, sozinho, toda a cozinha, o que em dias muito cheios pode ser um GRANDE porém. Para dar a largada, um steak tartar no ponto da perfeição.



O menu traz outras quatro opções de entradinhas e seis tipos de polpettas, mais popularmente conhecidas como almôndegas. Provei a clássica ao pomodoro, feita de carne e outros dez ingredientes secretos, cozida no molho de tomate caseiro. 

Também pedimos de entrada o Gorgonzola Mon Amour, uva verde envolta de um creme de gorgonzola e pistache. É exótico demais para mim, mas gostei da ousadia. 

Não ouse sair de lá sem provar a polpetta Sicilia Connection. São crocantes almôndegas feitas de berinjela defumada com parmesão. Quando escolhi fiquei meio tensa, mas ao provar vi que tinha tomado uma feliz decisão. Acabou sendo um dos melhores pratos que provei.  Peça com batata frita para acompanhar.

A Frita Della Nonna, polpetta frita feita de carne e mortadela, também é deliciosa. Pedimos um molho de tomate à parte que deixou tudo mais gostoso. A essa hora as bebidas já estavam há um tempo na mesa. A carta de drinks é dividida em clássicos, clássicos relidos e autorais. Eu não sou das bebidas muito doces, então comecei por um Aperol já namorando o Gin & Tonic. 

Estávamos em umas dez pessoas e minhas amigas pediram outras opções interessantes, como o autoral La Púrpura, com gin, aperol bitter, limão siciliano, amora canadense e calda de amora, e o Tropicália feito de cachaça amarela, maracujá, açúcar demerara, pimentão verde (só um toque de leve) e bitter aromático. O mojito feito com acúcar demerara também conquistou suas fãs.

Era hora de mudar de drink e escolhi o Gin & Tonic da casa, eleito meu preferido. É feito com gin, pepino japonês, limão siciliano e folhas de limoeiro, combinação perfeita. 



Em seguida, pedimos o Negroni Invecchiatto (campari bitter, vermute tinto e gin envelhecidos em barril de carvalho) que também agradou bastante. O atendimento é muito simpático, apesar de complicado em dias cheios. O mesmo vale para a cozinha. Então tenha paciência.  

Para aqueles que não curtem tanto os drinks, a carta de vinhos é bem honesta. Indico o Pé Tinto, com excelente custo-benefício.  A cerveja artesanal pale ale Imigração 1824 também vale o gole.

O total da conta deu R$ 80 com as bebidas e muitas comidas. A faixa de preço dos drinques é de R$ 15 a R$ 18. Com certeza vale a visita.

Rabodigalo
Clodorico Moreira, 23, Santa Mônica
Florianópolis/SC
Fone: (48) 3206-7260
Aceita cartões Mastercard e Visa
facebook.com/rabodigalo

SC Maíra Ferraz