08/08/2014

Cervejas de trigo ideais para o inverno

Destemperados

*Texto por Marco Zimmermann

Geralmente associadas ao verão, as cervejas de trigo mais tradicionais são claras e refrescantes. Mas existem variações que são uma ótima pedida nesta época mais fria do ano: as weizenbocks, versões mais fortes e escuras do famoso pão líquido da Bavária, que podem ser apreciadas durante a refeição, como acompanhamento de uma sobremesa ou mesmo como digestivo.

Adocicada
Apesar de elevado teor alcoólico, a Coruja Alba (6,8%) é uma cerveja fácil de beber com sabor levemente adocicado e condimentado. Apresenta coloração avermelhada, aroma frutado com notas de banana e frutas vermelhas. (Preço: R$15,35)

Caramelada
A Bierbaum Weizenbock (7,6%), produzida em Treze Tílias, é acompanha bem a sobremesa por conta de suas notas adocicadas. Uma cerveja marrom escura com aroma frutado, caramelado, e sabor que remete a frutas secas, cravo e um leve toque alcoólico. (Preço: R$15,50)

Intensa
A alemã Aventinus Eisbock (12%) é uma das cervejas de trigo mais fortes atualmente, sendo uma opção muito complexa e saborosa. É ideal após uma bela refeição. Sua coloração marrom escura apresenta aroma de frutas e o sabor lembra vinho do Porto. (Preço: R$ 22,90)

Clarinha
Embora a maioria das weizenbocks seja escura, isso não é regra. A Weihenstephaner Vitus (7,7%), produzida nas redondezas de Munique, é clara com aroma frutado e notas de cravo. O sabor é adocicado e frutado, com gosto de mel e final levemente amargo. (Preço: R$ 18,99)